• O Antagônico

31 de Maio e o Espírito Santo

Hoje é segunda-feira,31 de maio. 151.º dia do ano no calendário gregoriano (152.º em anos bissextos). Faltam 214 dias para acabar o ano. Hoje é Dia do Espírito Santo.


O Amapá. A Covid. A Família e as 3 Mortes no Mesmo Dia


O Amapá chegou na sexta-feira (28) a 1.685 mortes pela Covid-19. No mesmo dia, três delas despedaçaram de uma única vez toda uma família. O pai Almeirindo Ribeiro Filho, de 85 anos, e as duas filhas Maria do Socorro e Márcia Valéria, de 60 e 46 anos, foram vitimados pelo novo coronavírus. As perdas no período de poucas horas, vieram como um baque. Os três deixaram filhos, netos, irmãos e muitos amigos e admiradores. Valéria estava internada no Hospital Universitário de Macapá e Almeirindo e Maria do Socorro num hospital particular da capital.


Desde o anúncio das mortes, feito por familiares nas redes sociais, foi grande a comoção de amigos e parentes pelas perdas. Almeirindo Ribeiro vem de uma das famílias mais tradicionais de Macapá.Márcia Valéria era casada, deixa dois filhos e uma carreira como enfermeira. Também dedicou parte da vida à educação, atuando como professora, assim como a irmã Maria do Socorro. Socorro Gatinho, como era conhecida, atuou na área de Assistência Social, trabalhando na rede pública e privada do estado, nas áreas de gestão e docência.


Manaus, O Rio Negro e a Enchente Recorde


O Rio Negro alcançou neste domingo (30) a marca de 29,97 metros, e a cheia deste ano se igualou ao recorde histórico de 2012 em Manaus. No sábado, o rio permaneceu estável e neste domingo, subiu 2 centímetros. O Centro, uma das áreas mais afetadas na capital, já tão cheio de comerciantes, pedestres e veículos, agora precisa arrumar espaço para lidar também com uma água que invade pouco a pouco ruas e avenidas históricas. Em todo o Amazonas, dos 62 municípios do estado, 58 já foram afetados. A cidade de Anamã, por exemplo, está 100% inundada e por lá até um hospital precisou ser transferido para uma balsa, para receber os pacientes. Em Parintins, o nível do Rio Amazonas bateu o recorde da cheia histórica de 2009, que era 9,38 metros, e segue em disparada.

17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo