• O Antagônico

A Advogada. A Seap. A Violação aos Direitos Humanos. O Silêncio do MP



A entrevista de O Antagônico desta semana é com a advogada Juliana Nunes, que apresenta gravíssimas denúncias envolvendo a Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Pará - SEAP. Em seu relato, Juliana cita casos de violência sexual contra 18 presos, retratando um Sistema Penitenciário Medieval, frisando, ainda, fraudes gritantes no sistema biométrico e violações de direitos humanos.


A entrevista da advogada Juliana Nunes é um tapa na cara da sociedade paraense na semana da mulher, uma vez que a advogada foi agredida fisicamente, a socos e pontapés, dentro do parlatório da Colônia Agrícola.


A tragédia de Nunes se torna ainda mais cruel diante da inércia do Ministério Público, uma vez que o agressor, um policial penal, que recebe salário pago pela coletividade, continua a exercer suas funções normalmente, sem ter sofrido qualquer tipo de sanção. É o fim da picada!!!! A impunidade gera a audácia dos maus!!!!


Assista a entrevista pelo canal do O Antagônico no YouTube, através do link


https://youtu.be/0lu2AIbouEw




1.153 visualizações0 comentário