• O Antagônico

A PF de São Paulo. Os 3 Ônibus do Nicolas. As Conversas e a Viagem até Belém



As investigações da Polícia Federal de São Paulo sobre os negócios da Máfia das OSs, identificou muitas transações apontando que a quadrilha pretendia expandir sua rede de atuação em várias frentes. Através do monitoramento das interceptações telefônicas, sobretudo do acompanhamento do telefone celular utilizado por Márcio Toshiharu Tizura, foi apurado que a ORCRIM, sob ordem de Cleudson Garcia Montali, adquiriu três ônibus usados, no valor de R$ 25 mil reais cada (R$ 75 mil reais no total) e que foram transferidos para o nome de Nicholas André Silva Freire, nome falso usado por Nicolas André Tsontakis Morais, também integrante da ORCRIM e que atuava no estado do Pará.


Os ônibus foram comprados para uso do próprio Nicolas André, em Belém do Pará, em negócios ainda não identificados. As tratativas para as compras iniciaram-se no dia 17 de outubro de 2019, sendo que no dia anterior, Cleudson deu ordem a Marcinho Tizura para comprar os ônibus, ocasião em que estavam juntos em São Paulo. Doravante, as conversas de negociação estenderam-se até o dia 29 de outubro de 2019, quando realizaram a retiradas dos três veículos, fato registrado pela PF através de diligências na empresa vendedora e acompanhamento parcial do trajeto de São Paulo até Birigui. Conforme demonstram as conversas monitoradas, o pagamento dos R$ 75 mil foi feito em espécie, padrão utilizado pela ORCRIM, para aquisição de bens através de lavagem de dinheiro.


As mesmas conversas ainda mostraram que declarariam um valor menor de venda: oito mil reais para cada veículo. Os três condutores de São Paulo até Birigui foram Marcinho Tizura, Edson Rogerio Garcia (sogro de Cleudson) e Rafhael Coca Moralis, ocultando os ônibus na chácara de Osvaldo Ramiro Alexandre. Antes de serem levados para Belém, os ônibus foram revisados na oficina de Eduardo Araújo Garcia (cunhado do Cleudson). No dia 03 de novembro daquele ano, os ônibus saíram de São Paulo, chegando a capital paraense no dia 07. Os veículos foram conduzidos por Marcinho Tizura, Edson Rogerio Garcia e Flavio Alves da Silva Junior.


Em uma das conversas, Nicolas Tsontaski diz Marcio que os ônibus irão “puxar” pessoas do Marajó:


Nicolas: Deixa eu te falar, mas esse ônibus que o (inaudível) está falando, fica R$ 56.000,00 com ar condicionado, é?
Márcio:  Não  meu  amigo,  esse  ônibus  aí  é  2009,  ele não  tem  ar condicionado. Ônibus circular com ar condicionado só a partir de 2016, aí o preço muda muito,  entendeu,  dobra  cada  ônibus  circular  desse  com  ar-condicionado.  Você  não prefere sem ar, não sei, vê o que você, fica mais em conta sem ar, entendeu?
Nicolas:  Não,  então  esse  sem  ar,  três  desses  sem  ar,  melhor escolher ele.
Márcio: Beleza meu amigo, a hora que tiver no jeito te aviso.
Nicolas:  Marquinho,  tu  dá  uma  olhada  embaixo nesses  ônibus, suspensão,  tudo,  que  eles  têm  que  estar  primeiro  viu.  Vai  puxar  um  pessoal  de  Marajó para nós, entendeu? E se não tiver primeira fica ruim para eles até chegar aqui. Dá uma olhada na suspensão geral, tu sabe aí como é,? Beleza, obrigado.

Veja abaixo uma das transcrições das conversas do grupo criminoso no período da viagem.


Marcinho - falta 52 quilometro pra mim chegar num posto aqui, vai deu uma perdida, eu e o flavinho, nois perdeu o edinho e o marinho, mas agora nos ja encontramos, eles tão pra frente da gente aqui ... ai o doutor ligou agora, falou pra nois dormi ... doutor, não da, nois tem que lavar esses onibus, mandar lavar motor, entregar limpinho pro homem,? ... tem que ajeitar o onibus pra entregar pro homem, entendeu?
Dirlei - beleza ..
Marcinho-  nos viemo, tem uma amigo dele que pediu pra comprar tres onibus, nos compramo la em são paulo, aquele circular de são paulo, nos viemo trazer, fernando, 2 e 800 quilometro, não é mole não, meu irmão. saindo segunda feira, fomo chegar quinta de manhãzinha aqui ...
Fernando - eu sou louco pra conhecer esse tal de belem do pará.
Marcinho - nossa senhora, aqui é top top... nois acabou o serviço hoje de manhã, doutor e ai, pode ir embora? oh tizura, não acho que ceis vai andar 3 mil quilometro e não vai ficar aqui pra conhecer, pode ir embora sabado, domingo, segunda ... nois vai vorta com uma hilux 2017, ta bom demais,entendeu?
Fernando - quem ta ta ai, voce e quem?
Marcinho - ta eu, o doutor cleudson,o flavinho, que é carreteiro, um rapaizinho amigo nosso, o sogro do doutor, ta um tal de marinho,que é carreteiro tamem e é parente dele. nois 4 viemos trazer os 3 onibus,entendeu? mas é top demais, ai nos veio comer uns baguio aqui, num lugar aqui, caro pro carai e ce conversa com as muie, se interessar ja sobe pro quarto e ja era ...

689 visualizações0 comentário