• O Antagônico

A PF Dentro do Abelardo Santos, A Retirada dos Respiradores, O Áudio e a Podridão na Saúde do Pará



Sabe-se agora: a coordenadora Geral da OS Pacaembu, aparece na foto que registrou a retirada dos 19 aparelhos encontrados atrás de uma parede falsa no Hospital Abelardo Santos. O Antagônico confirmou que agentes da Polícia Federal estão dentro do hospital realizando uma ampla investigação, envolvendo a OS Pacaembu e o Instituto de Saúde Social e Ambiental da Amazônia, ambas no olho do furacão de um grandioso escândalo na saúde pública do Pará.


Há 15 dias atrás, o jornalista Olavo Dutra registrou em sua coluna que uma vistoria realizada no dia 02 de março, no Hospital Regional Abelardo Santos, no Distrito de Icoaraci, em Belém, descobriu que 19 respiradores novos estavam escondidos em uma ‘parede falsa’ de uma sala da unidade. A descoberta veio a tona durante o processo de troca de gestão da Organização Social de Saúde (OSS) Santa Casa de Misericórdia de Pacaembu, que administrava o hospital e deixou o controle da unidade hospitalar, no último dia 10 de março, para o Instituto de Saúde Social e Ambiental da Amazônia que passou a administrar o hospital e localizou os respiradores escondidos.


No entanto, no dia 15 de março, 13 dias dias após a vistoria, O Antagônico recebeu uma foto e um áudio, registrando a saída dos respiradores do Abelardo Santos, para destino até agora ignorado. No áudio, que reproduzimos abaixo, uma pessoa diz que os aparelhos foram retirados do Abelardo Santos, no dia 11 de março, uma quinta-feira.


Na foto, aparece a Coordenadora Geral da OS Pacaembu, de calça jeans e blusa preta, acompanhando, de perto, a retirada dos respiradores. O episódio, que representa mais um escândalo na gestão de Helder Barbalho, deixa muitas perguntas no ar: Porquê 19 aparelhos estavam escondidos em parede falsa dentro de um hospital onde morreram centenas de pacientes por falta justamente de respiradores? Para onde foram levados os respiradores? O que está escondendo da população paraense a OS Pacaembu e o Instituto de Saúde Social e Ambiental da Amazônia ?


As informações coletadas por O Antagônico dão conta de que uma parte dos respiradores encontrados ficou no Abelardo Santos e outra parte foi levada para o Hospital Regional de Castanhal. No entanto, as informações carecem de confirmação. Ouça o áudio enviado a O Antagônico:




https://drive.google.com/file/d/1xFt1teRAdoPVfkQDt6v_yKneu6Y3gFA0/view?usp=sharing



1,611 visualizações0 comentário