• O Antagônico

Belém. O Casarão Abandonado. A Inércia dos Proprietários e o Nilton Gurjão



Um elefante no meio da sala. O Ministério Público do Pará está tentando dar resolução a uma “parada dura”, que incomoda, e muito, os moradores do centro de Belém. O promotor Nilton Gurjão das Chagas instaurou um Procedimento Preparatório para apurar a situação referente a um casarão abandonado, localizado na Avenida Assis de Vasconcelos, número 247, esquina com a Rua 28 de setembro e a dificuldade de resolubilidade do caso em questão, mesmo após o envio de diversos ofícios convocatórios por parte do IPHAN aos proprietários do imóvel.

320 visualizações0 comentário