• O Antagônico

Helder Barbalho. Os Acordos. A Secretaria de Turismo e a Dança das Cadeiras



O governador do Pará, Helder Barbalho, às voltas com a CPI da Covid e acossado com inúmeras denúncias de corrupção, segue com um olho na missa e outro no padre, tentando fechar acordos e construir alianças para sua reeleição e, ao mesmo tempo, neutralizar os adversários. Na prática, Helder tenta passar atestado de ignorância para o eleitor. Tentar ele está tentando. Se vai conseguir são outros quinhentos. Esta semana, o governador entregou a Secretaria de Esporte e Lazer para o deputado federal Hélio Leite, acreditando que “comprou” o DEM, de Márcio Miranda, que continua na moita, porém conversando com as bases e andando muito pelo Pará. Nesta sexta-feira, 04, o Diário Oficial publicou a exoneração da Secretária de Turismo, Ivone Mitsuko Yoshimaru Cunha. Em seu lugar assume aquele que era o adjunto da pasta, André Dias. E isso é só o começo das mexidas no tabuleiro com vistas as eleições de 2022.

540 visualizações0 comentário