• O Antagônico

Itaituba. O Diretor da Cadeia. O Assédio. O Abuso de Autoridade e a Sindicância



O Diretor da cadeia de Itaituba está em maus lençóis. O Corregedor-Geral Penitenciário, em exercício, Vitor Ramos Eduardo, instaurou uma Sindicância Administrativa Investigativa para apurar denúncia de assédio moral, abuso de autoridade, represálias e arbitrariedade por parte do Diretor do Centro de Recuperação Regional de Itaituba, Raimundo Pedro Dávila Pereira, contra os Policiais Penais, acerca da inobservância aos procedimentos de segurança ao escalar para escolta de internos para as audiências intermunicipais, somente 01 Policial Penal, com o devido porte de arma, acompanhado de 02 ou 03 servidores temporários, permitindo que estes utilizem armamento institucional sem a devida habilitação. A assistente administrativa Karla Dias de Souza Freitas é a encarregada de conduzir a “batata quente”.

151 visualizações0 comentário