• O Antagônico

Mosqueiro. A Ponte Sebastião Oliveira. A Estrutura Comprometida. O MP e o Processo

Atualizado: 17 de fev.



Os moradores de Mosqueiro que se cuidem. Do contrário, a ponte Sebastião Oliveira, que liga Belém à bucólica, poderá, do dia pra noite, virar mais um negócio milionário para a gestão de Helder Barbalho, a exemplo das pontes do Acará e de Outeiro.


O Conselheiro do MP, Waldir Macieira da Costa Filho, retirou de pauta, na semana passada, o processo que apura eventuais desgastes na Ponte decorrentes, supostamente, de ausência de fiscalização de veículos com carga superior a 24 toneladas.


A requerente é a Associação Pró-Turismo e os requeridos são o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros de Belém e Polícia Rodoviária Estadual. Recentemente, começaram a circular nas redes sociais várias fotos mostrando as péssimas condições estruturais da ponte. Melhor não dar ideia para empreiteiro!!!

397 visualizações0 comentário