• O Antagônico

Na Rede. Os Municípios em Emergência. A Enchente de Marabá. A Madeira Apreendida em Castanhal.

O Governo Federal e os Municípios em Emergência


O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) reconheceu a situação de emergência em oito municípios do país, entre eles, Óbidos, no oeste do Pará. As decisões foram publicadas na edição desta segunda-feira (29) do Diário Oficial da União (DOU). Atingidos por desastres naturais, além de Óbidos, os municípios reconhecidos por meio da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), por situação de emergência são: Marabá e Pacajá, ambos no Pará. Com o reconhecimento, os municípios poderão ter acesso a recursos federais para ações de socorro, assistência, restabelecimento de serviços essenciais e recuperação de infraestruturas públicas danificadas.


Marabá, A Enchente e os Desabrigados


Equipes de diversos órgãos municipais atuam para auxiliar as famílias afetadas pelo rio Tocantins. Ao todo, 504 famílias ficaram sem suas casas por causa da cheia do rio. Destas, 262 famílias foram enviadas para abrigos públicos como Obra Kolping, Bom Planalto, Acrob, Praça da Feirinha, Santa Rosa, Folha 31, Galpão da avenida Antônio Maia. Duas famílias estão na Associação dos Moradores de Santa Rosa que não é um abrigo oficial. Outras 242 famílias estão desalojadas. São famílias que tiveram outros destinos como aluguel, imóveis cedidos ou casas de familiares. Além disso, 31 famílias também foram atingidas pela cheia permanecendo isoladas. Com a continuidade das chuvas e o consequente aumento dos rios, novas famílias foram atingidas na Folha 14 e no São Félix Pioneiro nos últimos dias.


Castanhal, A Madeira Apreendida e as Escolas


Os 40 metros cúbicos de madeira apreendidos no ano passado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMMA) já chegaram a Castanhal. A madeira estava armazenada no galpão da Secretaria do Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade do Pará, localizada no Distrito de Icoaraci, em Belém. A carga com valor estimado em R$100 mil está à disposição da SEMMA. A secretaria fará os tramites legais para que toda a madeira seja utilizada em reformas e construções de prédio públicos de Castanhal. A apreensão e recuperação da carga é resultado conjunto do trabalho das Secretarias de Meio Ambiente, Obras, Educação, Trânsito, Guarda Civil Municipal, Subprefeitura de Apeú e SEMA Pará.


4 visualizações0 comentário