• O Antagônico

Novo Progresso. O Prefeito. A Esposa e o Favorecimento



Servidores Públicos de Novo Progresso estão fulos da vida com o atual prefeito Gelson Dill (MDB). Logo que assumiu o cargo, o gestor criou uma Comissão Especial com o objetivo de proceder ao levantamento e análise das despesas da gestão anterior. Para coordenar a tal comissão, o gestor nomeou a sua esposa Claudiléia dos Santos, Secretária Municipal de Administração.


A partir de então o prefeito começou um jogo de gato e rato com os servidores municipais, atrasando salários da saúde, sendo necessária uma mobilização da classe para pressionar Gelson a pagar o salário de dezembro 2020. Sempre alegando dificuldade financeira, o prefeito criou uma nova folha e pagou a seu critério, não respeitando a Folha de Pagamento empenhada como restos a pagar. Trabalhadores que tinham gratificação, receberam somente o salário.


No Portal da Transparecia, chama a atenção na folha de pagamento com resto a pagar, o salário da atual secretária de Administração, a primeira dama Claudiléia dos Santos, que recebeu o valor que ultrapassou R$ 7 mil reais, com 100% de compensação, deixando claro o benefício direto para a cônjuge do prefeito. Claudiléia é concursada desde 2009, em outra função, no governo em que o marido foi vice-prefeito e ocupou cargo comissionado. O salário da mesma, que deveria ser R$ 3.600,00 (três mil e seiscentos reais), saltou para R$ 7.920,00 (sete mil novecentos e vinte reais), pagos mensalmente pelo contribuinte de Novo Progresso.

519 visualizações0 comentário