• O Antagônico

O Governador, A Vacina, A Volta às Aulas com a 1ª Dose e A Reação do Sintepp



Os Profissionais da Rede Estadual de Educação torceram o nariz para o anúncio, feito ontem pelo governador do Pará Helder Barbalho, sobre o início da vacinação, a partir desta quinta-feira, 20, aos servidores da educação para que, em um prazo de 15 dias, após a 1ª dose, sejam retomadas as aulas presenciais na rede estadual de ensino.


Ontem mesmo, passou a circular nas redes sociais um áudio, atribuído ao diretor do Sintepp, Mauro Borges, onde o mesmo afirma que é do conhecimento do governo do Estado que as aulas presenciais só serão retomadas após a segunda dose da vacina ser ministrada em todos os profissionais da educação.


Indiferentes à rede particular de ensino, que mesmo sem vacina já retomou as atividades, os professores e setores da educação pública, a maioria de esquerda, certamente não irão esquecer, nas urnas do ano que vem, a decisão do governador, caso sejam, de fato, obrigados a voltar as salas e fazer jus ao salário, com vacina ou sem vacina. É provável que nem Edmilson Rodrigues, agora amigo de Helder, faça desaparecer essa mágoa. A conferir.

291 visualizações0 comentário