• O Antagônico

O Governador e a CPI. A Polícia Militar, o Soldo e o Adicional



Na semana em que foi convocado para depor na CPI da Saúde, o governador do Pará, Helder Barbalho, na tentativa de desviar o foco, apressou-se em assinar a Lei que determina o reajuste salarial aos Praças e Praças Especiais em atividade dos Quadros da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Pará. Para bom entendedor, uma enviesada compra de votos antecipada.


A determinação também contempla os Praças e Praças especiais inativos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar, assim como os pensionistas, conforme as regras e forma de cálculo dos benefícios previdenciários abrangidos pela paridade.


Pela Lei . que entra em vigor a partir desta terça-feira, 01 de junho, os salários receberão os seguintes acréscimos: Cabo, R$ 85 reais; Soldado, R$ 110 reais; Terceiro Sargento, R$ 150 reais; Segundo Sargento, R$ 215 reais; Primeiro Sargento, R$ 250 reais; Subtentente, R$ 360 reais.


216 visualizações0 comentário