• O Antagônico

O Médico Professor. A Onipresença em Santarém, Itaituba e Rio Branco. O Promotor e a Investigação



O Ministério Público em Santarém está investigando uma situação curiosa. Vejam só. O Promotor de Justiça Diego Belchior Ferreira Santana instaurou um Procedimento Preparatório para investigar o médico C. M. O. L. que teria praticado atos de improbidade administrativa, desde julho de 2019, quando passou a possuir vínculos concomitantes com entidades públicas e privadas situadas nos municípios de Santarém e Itaituba, no Estado do Pará e em Rio Branco, no Acre. A denúncia narra que o referido médico seria onipresente, exercendo, no mesmo período e ao mesmo tempo, como se isso fosse possível, o cargo de professor, tanto no Estado do Acre, quanto no Estado do Pará. Trata-se de um caso clássico que desafia a ciência e a física. E, claro, ofende a inteligência.

117 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo