• O Antagônico

O MP de Contas. O Centro de Convenções da Assembleia de Deus. Os 240 Leitos e a Investigação



Uma Publicação do Diário Oficial desta terça-feira,25, está dando o que falar. O Ministério Público de Contas do Pará, através das procuradoras Danielle Fátima Pereira da Costa e Deíla Barbosa Maia, torna pública a abertura de Procedimento Apuratório Preliminar, em desfavor da Secretaria de Estado de Saúde Pública – SESPA, para coletar subsídios acerca da contratação e execução de eventuais serviços, obras e aquisições referentes ao segundo hospital de campanha de Belém, no Centro de Convenções da Assembleia de Deus, com a disponibilização de 240 leitos clínicos para atendimento de pacientes com casos leves e moderados da Covid-19 em Belém e região metropolitana. Diga-se de passagem, é público e notório, do jornaleiro ao jornalista, que este Hospital de Campanha jamais foi instalado. A reação do MP de Contas é tímida e intrigante, face a dominação sistemática de Helder Barbalho nas instituições que deveriam, por dever de ofício, investigá-lo. Mas qualquer ação nesse sentido já é alguma coisa.

473 visualizações0 comentário